(Confira o parecer clicando aqui).

A votação das contas causou um certo desconforto inicial na Casa, quando o Presidente, colocou em votação a matéria e o Vereador Gilson Rodrigues contestou pedindo vistas. Ainda, o Ex-prefeito, Luiz Fernando de Ávila Leivas, não compareceu na Câmara, mandando um carta ao Legislativo em sua defesa que foi lida pelo Secretário da Mesa Diretora Mateus Garcia (PDT). Ao final, os parlamentares entraram em um acordo, acatando o pedido de vistas do parlamentar por unanimidade.

"> (Confira o parecer clicando aqui).

A votação das contas causou um certo desconforto inicial na Casa, quando o Presidente, colocou em votação a matéria e o Vereador Gilson Rodrigues contestou pedindo vistas. Ainda, o Ex-prefeito, Luiz Fernando de Ávila Leivas, não compareceu na Câmara, mandando um carta ao Legislativo em sua defesa que foi lida pelo Secretário da Mesa Diretora Mateus Garcia (PDT). Ao final, os parlamentares entraram em um acordo, acatando o pedido de vistas do parlamentar por unanimidade.

" /> (Confira o parecer clicando aqui).

A votação das contas causou um certo desconforto inicial na Casa, quando o Presidente, colocou em votação a matéria e o Vereador Gilson Rodrigues contestou pedindo vistas. Ainda, o Ex-prefeito, Luiz Fernando de Ávila Leivas, não compareceu na Câmara, mandando um carta ao Legislativo em sua defesa que foi lida pelo Secretário da Mesa Diretora Mateus Garcia (PDT). Ao final, os parlamentares entraram em um acordo, acatando o pedido de vistas do parlamentar por unanimidade.

"> (Confira o parecer clicando aqui).

A votação das contas causou um certo desconforto inicial na Casa, quando o Presidente, colocou em votação a matéria e o Vereador Gilson Rodrigues contestou pedindo vistas. Ainda, o Ex-prefeito, Luiz Fernando de Ávila Leivas, não compareceu na Câmara, mandando um carta ao Legislativo em sua defesa que foi lida pelo Secretário da Mesa Diretora Mateus Garcia (PDT). Ao final, os parlamentares entraram em um acordo, acatando o pedido de vistas do parlamentar por unanimidade.

" xml:lang="pt-BR" lang="pt-BR" /> (Confira o parecer clicando aqui).

A votação das contas causou um certo desconforto inicial na Casa, quando o Presidente, colocou em votação a matéria e o Vereador Gilson Rodrigues contestou pedindo vistas. Ainda, o Ex-prefeito, Luiz Fernando de Ávila Leivas, não compareceu na Câmara, mandando um carta ao Legislativo em sua defesa que foi lida pelo Secretário da Mesa Diretora Mateus Garcia (PDT). Ao final, os parlamentares entraram em um acordo, acatando o pedido de vistas do parlamentar por unanimidade.

">
Acessibilidade A+ A-
Pinheiro Machado, 24 de setembro de 2018.
Fale conosco
Cadastre-se

Cadastre seu e-mail para receber informações.

Agenda
25 Setembro Sessão Ordinária
Veja todos eventos
Multimídia

Notícias

Gilson pede vistas, e contas de Fernandinho e Zé Antônio não são votadas
29/08/2018

A justificativa do Parlamentar foi não estar de acordo com o parecer do Tribunal de Contas do RS. A noite de Terça (28), foi polêmica na Câmara de Vereadores de Pinheiro Machado, a votação das contas de Governo do município de referente ao exercício de 2011, para julgamento nos termos do § 2º do artigo 31 da Constituição Federal não foram votadas conforme a expectativa.

Um pedido de vistas feito pelo Vereador petista Gilson Rodrigues foi acatado pelos demais vereadores que adiaram o processo. A justificativa de Rodrigues, foi de que o parecer nº 17.858 emitido pelo TCE que conta com o Parecer Desfavorável à aprovação das contas da gestão do Ex-prefeito Luiz Fernando de Ávila Leivas, correspondentes ao exercício de 2011.

Já em relação à gestão de 2011, do Ex Vice-prefeito José Antônio Duarte Rosa, o TCE por unanimidade emitiu Parecer Favorável, deveria ser votado com os anexos divididos, ou seja, a votação das contas do Ex-prefeito e do Ex-vice Prefeito separadas, uma vez que foram emitidas em um único Parecer (Confira o parecer clicando aqui).

A votação das contas causou um certo desconforto inicial na Casa, quando o Presidente, colocou em votação a matéria e o Vereador Gilson Rodrigues contestou pedindo vistas. Ainda, o Ex-prefeito, Luiz Fernando de Ávila Leivas, não compareceu na Câmara, mandando um carta ao Legislativo em sua defesa que foi lida pelo Secretário da Mesa Diretora Mateus Garcia (PDT). Ao final, os parlamentares entraram em um acordo, acatando o pedido de vistas do parlamentar por unanimidade.

.
Voltar